Feira de tecnologias para defesa acontece em setembro em Florianópolis | Estela Benetti

A segunda edição da SC Expo Defense, feira de tecnologias e produtos de defesa, foi agendada para os dias 2 e 3 de setembro, na Base Aérea de Florianópolis. Iniciativa do Comitê da Indústria de Defesa (Comdefesa) da Federação das Indústrias do Estado (Fiesc) e da Base Aérea de SC, a Expo deverá ser uma das primeiras feiras presenciais do ano. Se as normas de prevenção à pandemia não mudarem até lá, a mostra terá que seguir o que diz a portaria 999 da Secretaria de Estado da Saúde, que prevê ocupação mínima de 30% do espaço no caso de risco potencial gravíssimo para Covid-19, 50% se o risco for grave chegando a 100% se for moderado.

> Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Entre as empresas que já confirmaram participação na mostra estão a Indústria de Material Bélico do Brasil (Imbel), estatal que fabrica equipamentos de defesa para o Exército Brasileiro, e a catarinense Olsen, produtora de equipamentos médicos e odontológicos. Elas se conheceram na primeira edição da Expo Defense, em 2019. Nesta semana, uma equipe da Imbel visitou a Olsen, em Palhoça, para conhecer o modelo verticalizado de fabricação de equipamentos para saúde.

Certificada como fornecedora para o setor de defesa, a Olsen produz equipamentos odontológicos para uso em acampamentos de forças armadas. O fundador e presidente da companhia, Cesar Olsen, disse que a troca de informações e experiências foi importante para identificar sinergias. O empresário também é coordenador do Comdefesa na federação. 

Há anos a Fiesc incentiva indústrias catarinenses a se tornarem fornecedoras credenciadas do setor de defesa. Segundo o presidente da entidade, Mario Cezar de Aguiar, a tecnologia militar agrega valor e contribui para a internacionalização da indústria estadual.

Polícia Federal ocupa Porto de Itajaí e liberta ‘reféns’ durante simulação; entenda



Comprar armas e munições



Suporte via whatsapp!