Defesa terá de explicar papel de Eduardo Bolsonaro em acordo com fábrica de armas | Lauro Jardim

O Ministério da Defesa terá 30 dias para explicar ao Senado detalhes da parceria da Imbel, estatal de armas ligada ao Exército, com a empresa estadunidense SIG Sauer.

Decreto do então comandante do Exército, general Edson Leal Pujol, foi publicado no Diário Oficial da União em dezembro autorizando a SIG Sauer para fabricar suas pistolas em versão nacional na Imbel.

A Mesa Diretora do Senado aprovou requerimento de Jean Paul Prates (PT-RN) que cobra explicações da Defesa. Entre outros pontos, o senador quer saber qual foi o papel de Eduardo Bolsonaro nas tratativas.

 

 



Comprar armas e munições



Suporte via whatsapp!


Publicidade

Tabesa CDD Brasil